Seguidores

sexta-feira, 30 de março de 2012

Introduzindo um novo exercício.

Vamos fazer algumas experiências, em forma de exercício, antes de continuarmos com o significado dos arcanos? ;)
Espero que elas sirvam para para quem já conhece as cartas, como para quem está tendo o prazer (espero!) rsrsr, de conhecê-las. Quem fez o primeiro exercício, não esqueça o caderno. Se não fez, tudo bem, arranje um caderno ou bloco e, se posso dar uma ideia, comece a fazer anotações :)




Resumo do que já foi visto:

Cartas estudadas: O cavaleiro (01), Paus e Pedras (trevo) (02), Navio (03), Casa (04), Árvore (05).

Cartas positivas: O cavaleiro, Navio, Árvore.

Cartas neutra: A casa (Já que ela não qualifica outra carta, nem positiva, nem negativamente)

Carta negativa: Paus e Pedras (trevo)

Exercício: Queridos, esse exercício não tem a finalidade de ensinar a jogar, como também não se presta à qualquer tipo de previsão. A finalidade dele é firmar os conceitos e abrir nossa visão, sobre os arcanos.

Iremos escolher 2 cartas, e colocá-las uma ao lado de outra, sem ter em mente qualquer pergunta.  Depois inverteremos a ordem...

A + B
B + A

Perguntas sobre o exercício que faremos:

Pergunta: Há diferença, ou seja a ordem influencia???
Resposta: Normalmente sim! Para esse exercício, com certeza sim.

Pergunta: De que modo?
Resposta: Fazemos a leitura, ou o exame das cartas, da esquerda para a direita como costumamos escrever. Desse modo temos um novo elemento: movimento...Algo começa de uma forma e evolui de uma certa maneira...

Pergunta: O que devemos entender com esse exercício?
Resposta: Que as cartas conversam entre si e surge um significado que é o resultado dessa "conversa".

Pergunta: Em qualquer jogo, A+B, é sempre igual?
Resposta: Não!...  Porque o jogo sofrerá interferências de outras cartas, e também (Importantíssimo), do  assunto a que se refere a questão. A+B, no amor, será diferente em significado, do que se A + B referir-se à saúde, ou a um conselho geral, por exemplo. Então não adianta decorar, mas, sim, entender os significado profundo de cada arcano para avaliarmos como um influencia o outro.

Pergunta:  Faremos perguntas específicas?
Resposta: Não...

Pergunta: Então só temos que considerar o significado das duas cartas?
Resposta: Não!!! temos que considerar como a situação, seja ela qual for, irá evoluir, ou o que interferirá no desenvolvimento da questão.

Pergunta: Por que???
Resposta: Porque o Lenormand é vivo, e fala dos acontecimentos de uma forma muito real! Isso quer dizer que, suas respostas se situam num tempo-espaço. As coisas se movimentam, nós nos movimentamos e o Lenormand capta exatamente essa transformação de algo através do tempo.

Pergunta: Se tirarmos apenas uma carta, como avaliar a evolução da situação?
Resposta:Não será possível essa avaliação! Teremos que considerar o que foi perguntado: Foi uma pergunta ligada ao passado? Ao presente? Ao futuro?  Nesse caso o que avaliamos é: qual a "força?" ou "manifestação?" ou "problema?", estava, está, ou estará, se manifestando em um determinado instante.

No próximo post, iniciaremos o exercício ;)

Uma pausa...


                                                                     




Nenhum comentário:

Postar um comentário